Feeds:
Posts
Comentários

Archive for maio \01\UTC 2011

Já sei, e vou falar de novo: o compromisso de Cuisinez Fácil é com a rapidez no preparo dos pratos. Tudo bem, eu admito: algumas receitas postadas aqui necessitam de um tempo de preparação maior, mas cozinha é assim mesmo.

Hoje trago aos leitores uma comida gostosa, apetitosa e que não vai tomar muito tempo de sua rotina. Chegou da facul ou do trabalho com fome e está com pressa? Passa no Cuisinez Fácil que seu problema já já é resolvido…rsrsrs

Vamos à receita.

Vive la bonne cuisine!

joa

Imagem: Joannes Lemos

Espaguete Rápido: incrementado e gostoso para sua degustação

Tire da Despensa:

250 gramas de espaguete ou talharim

100 gramas de paio

50 gramas de bacon

Meia cebola

2 dentes de alho

3 tomates grandes, vermelhos e carnudos

Azeite

Sal

Pimenta do reino

Mão na massa:

Em uma panela, cozinhe a massa (com bastante água e um fio de azeite). Enquanto isso faça a mise em place (as aulas de gastronomia estão surtindo efeito!!). Numa panela menor, ferva água (o suficiente para cobrir os tomates). Faça um corte raso em forma de cruz no “bumbum” do tomate. Mergulhe cada um por 1 minuto na água. Retire e mergulhe numa bacia com água fria. Depois disso, puxe a pele que estará levemente solta. Este processo se chama deixar o tomate em concassé. Depois, é só cortar em pedaços, retirar as sementes e picar o tomate em quadradinhos.

Corte a cebola em cubinhos (pode ser no formato macédoine), assim como o paio e o bacon também podem ser cortados em quadradinhos pequenos. Amasse os dentes de alho.  Na panela, aqueça o azeite (umas 5 colheres de sopa bem cheia), acrescente o alho e doure um pouco. Em seguida acrescente a cebola e doure mais um pouco, mas cuidado para não queimar.

Acrescente o bacon e o paio e dê uma salteada, até perceber que ambos ficaram levemente tostados.  Acrescente o tomate concassé e deixe o molho apurar, por cerca de 5 minutos. Acerte o sal e a pimenta do reino. Escorra o macarrão, e jogue na panela onde está nosso querido molho.

Bon appétit!

Glossário para iniciantes perdidos:

Mise en place: o termo francês significa em tradução literal “colocar no lugar”. Consiste na fase inicial do preparo de qualquer prato, onde se separa todos os utensílios e ingredientes necessários a obra prima. Os ingredientes devem ser medidos, e, se necessário, descascados e cortados. É essencial fazer a mise en place para a execução de qualquer receita, desta forma você evita de sair correndo como um louco atrás de um ingrediente no momento em que as coisas estão em cocção na panela. Os cozinheiros profissionais jamais sobrevivem sem a mise en place.

Dica:

Conselho bem básico: quando ficar pronto, salpique queijo parmesão ralado. Se preferir, coloque também umas folhinhas de manjericão ao molho assim que desligar o fogo.

Curiosidades:

Durante a Idade Média, a palavra bacon (ou bacoun) era empregada para referir o porco como um todo. Apesar de fazermos associação do bacon com os Estados Unidos e a Inglaterra, aparentemente ele surgiu em outro lugar, mais especificamente no que hoje é a Alemanha. Foi só no século XVII que o bacon começou a ser sinônimo das costas do porco desidratada com sal e depois defumada. Falando nisso, bacon vem de back, que quer dizer costas em inglês.  Apesar de não ser uma invenção da Inglaterra, o método inglês foi o mais reproduzido na maioria dos outros países, e é o que ainda usamos hoje.

Faça também:

CUISINEZ FÁCIL: Batata Gratinada

Anúncios

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: