Feeds:
Posts
Comentários

Archive for agosto \29\UTC 2011

Esfriou novamente na capital paulista. Isso por si só já é um grande motivo para correr pro fogão e fazer algo quentinho e gostoso para degustar. Ou melhor, para se empanturrar. Porque com o frio nada melhor do que comer bem, não é verdade? Pensando no seu bem-estar Cuisinez Fácil traz hoje uma receita très facile: Caldo Verde. Papel e caneta na mão, e depois, é só correr pro fogão.

Vive la bonne cuisine!

joa

Imagem: Joannes Lemos

Caldo Verde: boa pedida para suas noites frias


Tire da despensa:

600g de batata

100g de paio

100g de linguiça portuguesa

100g de bacon

½ maço de couve manteiga

½ unidade de cebola

2 dentes de alho picado

Quanto baste de azeite para refogar

Quanto baste de sal para temperar

Quanto baste de pimenta-do-reino para temperar

Quanto baste de parmesão

Mão na Massa:

Prepare com cuidado a mise en place da sua receita. É ela quem facilita o preparo do prato. Descasque as batatas, corte em pedaços pequenos e reserve. Tire a pele dos embutidos (paio, linguiça portuguesa, do bacon não é necessário), corte no tamanho que desejar e reserve. Lave a couve manteiga e corte em chiffonade (enrola-se a couve e corta-se em tirinhas finas). Reserve.

Comece refogando a cebola no azeite. Quando a cebola estiver começando a ficar transparente adicione o alho picadinho. Espere o alho começar a fritar e coloque as linguiças para refogar em fogo médio para não queimar os temperos. O bacon você frita à parte para acrescentar no final do preparo.

Depois de 5 minutos, cubra os embutidos com água o suficiente para ficar uns 2 dedos acima de ambos e deixe ferver por 15 a 20 minutos. Se quiser, com o auxílio de uma escumadeira retire a espuma que se forma e assim você irá “desengordurar” o seu caldo verde.

Passado o tempo, retire as linguiças e reserve. No caldo coloque as batatas para cozinhar. Se ver que a batata não está toda submersa na água, complete com água o suficiente para deixar uns 2 dedos acima da batata. Após uns 15 minutos de cozimento desligue o fogo e jogue as batatas com a água no liquidificador. Bata bem e volte o caldo pra panela. Cada um tem seu gosto, mas se você achar que o caldo está grosso pode acrescentar um pouco mais de água.Volte com os embutidos para a panela e deixe ferver por no máximo 5 minutos. Enquanto isso pegue um terço da couve manteiga e bata no liquidificador com meio copo de água, fazendo um suco verde. Jogue este suco na panela para dar mais cor ao caldo. Acrescente o bacon já frito. Acerte o sal e pimenta ao seu gosto. Ao desligar o fogo adicione a couve manteiga cortada que sobrou. Colocando a couve apenas no final a faz ficar “al dente”.

O queijo parmesão é para acompanhar. Portanto, não o salpique na panela, pois alguns comensais não gostam. Está pronto.

Bon appétit!

Glossário para iniciantes perdidos:

  • Mise en place: é um termo francês que significa, literalmente, “posta no lugar”. Consiste na fase inicial para a preparação de um prato, onde separa-se todos os utensílios e ingredientes necessários para executar a receita. Os ingredientes devem ser medidos, e, se necessário, descascados, cortados, etc. É fundamental fazer a mise en place para o sucesso de qualquer receita.

Dica:

Sirva com torradas de pão italiano salpicadas com queijo parmesão ralado grosso. E é claro, um bom vinho tinto também cai muitíssimo bem.

Curiosidades:

O caldo verde é uma sopa de couve galega, típica do norte de Portugal. É provavelmente a mais famosa sopa portuguesa feita aqui no Brasil, e é difícil achar quem não goste desta delícia.

Faça também:

CUISINEZ FÁCIL: Caldo de Feijão

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: