Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Farofa de Banana’

Vamos começar 2011 seguindo os princípios básicos de Cuisinez Fácil, que é o de apresentar uma receita simples ao seleto grupo de leitores. Esta receita de Farofa de Bacon com Banana não tem mistério nem grandes dificuldades. Os ingredientes são simples de encontrar, e o preparo simples e rápido.

Comece seu ano acessando o blog e, ainda, partilhando aquilo que você faz na cozinha. Se tiver alguma receita que queira mostrar mande a foto do prato para joannes.receitas@gmail.com. Tenha certeza que a receita será bem visualizada, afinal Cuisinez Fácil teve mais de 7 mil visitas em 2011. Vamos à receita?

Vive la bonne cuisine!

jo

Imagem: Joannes Lemos

Farofa de Banana: direto da República das Bananas para sua mesa



Tire da despensa:

– 1 xícara (de chá) de farinha de mandioca
– Banana nanica ou prata cortada em cubos pequenos
– 2 colheres (de sopa) de cebola picada bem fina
– 1 colher (de sopa) de manteiga
– 1 dente de alho ralado
– 1 colher (de sopa) de azeite
– 1 xícara (de chá) de bacon picadinho
– ½ xícara (de chá) de linguiça calabresa defumada picadinha
– Sal e cheiro verde a gosto
– cebolinha francesa a gosto

Mão na Massa:

Refogue o bacon e a linguiça no azeite e na manteiga. Junte a cebola e o alho e quando estiverem dourados acrescente a banana. A quantidade de banana é a gosto, mas para esta quantidade de farinha eu usei três da prata grandes. Frite rapidamente para não desmanchar as bananas. Em seguida coloque a farinha e mexa até dourar, sempre tomando cuidado para não desmanchar as bananas. Desligue o fogo e tempere com uma leve pitada de sal. Espalhe a cebolinha francesa.

Bon appétit!

Glossário para iniciantes perdidos:

  • Cebolinha francesa: conhecida também como ceboulette, a cebolinha francesa é uma espécie diferente da cebolinha que normalmente utilizamos em nossas cozinhas. Ela possui um sabor mais delicado que a cebolinha comum. Desta forma ela é muito utilizada pelos grandes chefs internacionais, não só para condimentar como também para decorar os pratos. Por isso, inove! Deixe um pouco de lado a cebolinha tradicional e utilize também a cebolinha francesa. A noté?

Dica:

Ao final do preparo, se preferir, você pode acrescentar uva-passa (também a gosto). Pimentão também dá um sabor diferenciado, e, caso goste, acrescente um quarto da hortaliça (pode ser verde, vermelho ou amarelo).

Curiosidades:

A banana é mencionada em documentos escritos, pela primeira vez na história, em textos budistas de cerca de 600 a.C.. Sabe-se que Alexandre, o Grande comeu bananas nos vales da Índia em 327 a.C.. Só se encontram, porém, plantações organizadas de banana a partir do século III d.C. na China. Em 650, os conquistadores islâmicos levaram-na para a Palestina. Foram, provavelmente, os mercadores árabes que a divulgaram por grande parte de África, provavelmente até à Gâmbia. A palavra banana teve origem na África Ocidental e, adotada pelos portugueses e espanhóis, veio a ser usada, por exemplo, na língua inglesa.

Faça também:

CUISINEZ FÁCIL: Sanduichinho com Linguiça e Manjericão

Anúncios

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: